sexta-feira, 20 de junho de 2014

#15: DEFINA O SEU PRÓPRIO ESTILO E USE O QUE LHE FAZ BEM

Hoje eu vou falar para vocês um pouco sobre moda.Eu fico tão feliz quando recebo um elogio pela roupa que estou usando, vocês não fazem nem idéia. E por algum motivo as minhas amigas acham que eu me visto bem e de modo apropriado. Algumas delas me pedem dicas de moda por saberem que é um assunto que eu gosto, que eu leio em blogs e revistas. 

Relutei muito para falar desse assunto aqui no blog, por vários motivos, entre eles é a minha falta de intimidade profissional com o assunto. 

Não, não sou formada em moda, graduanda em moda, estagiária de nenhum grande atelier de moda,Não sou especialista, não sou a Constança Pascolato, a Gloria Kalil e nenhum tipo de estilista (apesar de que sempre quis aprender costurar), e longe....longe mesmo de ser modelo. Não sou uma pessoa do mundo da moda e nem uma Fashionista de plantão, então não me sinto nem capacitada para estar aqui falando sobre esse assunto, mas sou mulher, adoro comprar roupa e tenho uma trajetória como todo mundo. 

O que vou falar aqui para vocês se basei na relação que eu tenho com a moda e em como eu defini o meu estilo. Para quem entende muito do assunto pode não servir de nada, para quem não entende nada pode ter alguma serventia, mas os meus relatos e conselhos se baseiam unica e exclusivamente na minha experiência.

Se olhar no dicionário o significado da palavra moda encontrará que moda é um substantivo feminino que representa: 

1. Uso passageiro que regula, de acordo com o gosto do momento, a forma de viver, de se vestir, etc.
2. Maneira de vestir.
3. Modo, costume, vontade.
4. Ária, cantiga.

Para mim, moda é usar algo que você goste e que lhe caia bem, independente se isso é a novidade do momento ou não. É Aliar técnicas e conhecimentos que podem ser adquiridos sobre o mundo, sobre estilos variados,sobre tecidos, sobre cores e sobre tendências e adaptá-los a algo que você sentirá prazer de usar.E Acredite...é acima de tudo ter conhecimentos sobre você.

Moda é saber misturar, é saber garimpar,é ser criativo, é saber olhar para a peça e ter certeza que ela combina com você, com o seu guarda roupas, com os seus sapatos e com os seus acessórios (Acessórios são fundamentais para compor um guarda roupas).

Ao contrário do que muitos dizem e principalmente nos dias atuais,moda também não tem
haver com ter muito dinheiro. Você pode se vestir bem e gastar pouco com isso.Lógico que se tiver muito dinheiro para esbanjar e quiser gastar fortunas comprando roupas, sapatos e acessórios fica totalmente ao seu critério. Dinheiro ajuda bastante, mas dá para se virar e montar um guarda roupa legal com menos, perincipalmente se você não exigir marcas e etiquetas famosas. Eu não ligo pra isso.

Quando a gente é criança a gente não tem noção nenhuma de nada disso e acabamos usando o que, geralmente, nossa mãe escolhe. E ela escolhe algo que tem haver com o que 
ela gosta. A gente só veste e acata. 

Quando a gente cresce um pouco mais, você vai se familiarizando com algumas coisas e começa a gostar, mas ás vezes você usa algo que você gosta e isso não se alinha ainda ao estilo que você quer ter. 

No meu caso,eu acho que eu comecei a me conscientizar e pensar sobre moda quando eu já era bem mais velha, tipo na época da faculdade(á partir dos 18 anos). Eu usava o que eu gostava, mas ainda estava longe de estar alinhado ao que eu queria. Tanto que eu olho para as fotos dessa época e penso "MEU DEUS, Eu usava essa roupa....e pior....eu adorava essa roupa." Nessa época eu me reinventei muito... mudei cabelo, guarda roupas, acessórios diversas vezes... e toda essa reinvenção foi muito importante pra eu ir me descobrindo.

O meu estilo eu fui desenvolver bem depois disso.....conforme fui me conscientizando sobre o meu corpo, a minha estrutura, o meu rosto, o que eu gostava e quando eu comecei pensar um pouco melhor sobre isso é que comecei alinhar o que eu gostava, o que eu me sentia bem usando e o que ficava bem pra mim. Nesse momento conhecer algumas técnicas me foram bem uteis....tipo decotes V ficam bem para quem esta acima do peso porque alongam o pescoço, saias mais curtas ficam bem pois alongam as pernas. Como tudo que há por aí.... a moda tem as suas justificativas e você pode acatá-las ou não, mas com certeza algumas coisas ficam melhores do que outras, mas não acho nada disso impedimento, pelo contrário acho que você pode usar qualquer coisa que se sinta bem usando até um saco de batatas com um cinto colorido se esta for "a sua praia".

Uma Vez li na Revista Seleções que a Andie Macdowell  no começo de carreira foi convidada para ir desfilar em Paris. Ela fez uma mala com poucas coisas e não conhecendo a sua agenda de eventos. Quando chegou lá ela foi informada que teria um jantar muito chique e importante para comparecer. Ela estava sem dinheiro nenhum para adquirir um vestido novo para tal ocasião. Ela sabia costurar. Do alto da sua criatividade ela transformou a cortina do quarto em que estava hospedada em uma saia e pegou uma das camisolas de cetim que tinha na mala como parte de cima. Arrematou tudo com um cinto largo e foi assim no jantar. Se maquiou. Vestiu a sua melhor "cara" e saiu pelas ruas de Paris usando isso:A cortina do hotel e uma camisola arrematada com um cinto. Ela conta que foi super elogiada pela sua indumentária em tal jantar. Original, criativo, barato, Ousado, corajoso, inventivo como a moda deve ser.

Eu já fui magra, muito magra, hoje eu passo bem longe disso, mas estou mais feliz com as coisas que eu uso hoje do que na época que era magra e praticamente podia usar tudo ou que qualquer coisa me caia bem. Eu era uma magra sem estilo nenhum. E as cores. Fazia péssimas escolhas de cores.E O cabelo...e a maquiagem... Meu passado me condena e muito e isso só me prova que não é porque eu não sou modelo que a moda não me serve.

Existem também as coisas que eu não uso por encanações particulares mesmo, como por exemplo saias em determinada altura da perna.....eu tenho muitas varizes....tenho desde bem nova, então nunca gostei de usar saias e shorts que deixassem elas a mostra. Eu tenho muito busto, então não gosto de usar decotes muito profundos que acho que para mim fica vulgar. Isso também me ajudou ao longo do tempo ir pautando ao meu estilo e adequando ás coisas que eu compro. 

Outra coisa... no longo caminho para desenvolver o seu estilo você muitas vezes vai ter que "brigar" e "bater o pé" com as outras pessoas sobre o que você quer, porque acredite, todo mundo tem uma opinião do que ficaria LINDO para você. Indico que você só compre/use se realmente se sentir bem com aquilo. E se usar algo que for avesso ao que a maioria acha lindo esteja preparado para explicar MIL VEZES que você gosta daquilo e pronto e acabou. A coisa que as pessoas mais fazem é dar palpite na vida alheia. Se gostar de algo, se se apaixonar por algo,COMPRE/USE independente de opiniões externas. Mais vale algo que você goste e irá usar sempre do que algo que os outros gostem e que você nunca irá usar. 

Eu tive que bater muitas vezes o pé, porque as pessoas sempre acharam que eu usava umas roupas de "gente velha". Adoro roupas vintage e de modelos mais antigos... e tive que fingir várias nem ouvir esses comentários porque é um dos estilos que eu gosto. 

Quando você começa a ter dinheiro para comprar as suas próprias coisas(roupas, sapatos, bolsas,acessórios) acho que é quando esse processo se instaura melhor e você pode se dar ao luxo de experimentar peças e comprar peças e pensar em compor o seu próprio estilo. 

Hoje em dia o que eu gosto de usar e o que tenho no meu guarda roupa:
  • AMO Vestidos (Lembram na postagem de ontem sobre os vestidos da série Being Erica que eu disse que eu era a louca dos vestidos....)=> Adoro os cortes de modelos clássicos dos anos 50/60/70, vestidos longos, vestidos longuetes, vestidos envelope(ficam muito bem para mim), vestidos encorpados, vestidos de malha. Compro sempre que acho que tem haver comigo. 
  • Adoro coisas do estilo romântico com muitas flores pequenas, babados e rendas. Tecidos mais fluidos.

  • Adoro cores neutras: preto, marrom, cinza, azul e verdes(tenho muitas coisas nessas cores), ameixa, amarelos. 
  • Poucas coisas estampadas: compro só quando gosto da estampa.
  • Macacões ficam bem para mim, principalmente acompanhados de cinto 
  • Saias Longas(tenho várias)
  • Saias na altura do joelho
  • Jeans de vários modelos
  • Blusas de Cetim (adoro cetim)
  • Muitas sapatilhas e sandálias rasteiras, não uso salto altos(é uma das coisas que acabo brigando sempre porque as pessoas acham que eu deveria usar, mas eu conheço as minhas limitações).
  • Muitas bolsas.....adoro ter variações para acompanhar as minhas roupas
  • Aderi a "onda" dos MAXI colares, porque fica ótimo para mim. 
  • Atualmente também prefiro brinco maiores porque destacam meu rosto ao contrários dos muito pequenininhos que costumava usar. Não uso mais argolas.

Acho que é mais ou menos isso que uso para compôr o meu guarda roupa atual.

Para quem quer ter idéias de combinações de roupas interessantes tem duas páginas do face que postam várias fotos de looks prontos que eu adoro as idéias e INDICO: https://www.facebook.com/pages/Fashion  e https://www.facebook.com/TheModernFashion
Esses looks também podem lhe ajudar a definir seu próprio estilo. Ir definindo o que você curte ou não curte usar e ir adequando, melhorando e alinhando o seu "gosto pessoal".


Para finalizar, o meu conselho para todos vocês, não é nada novo ou inovador e acho que se repetiu bastante ao longo desse texto: Tenha personalidade, Saiba o que você quer, conheça você mesmo(seu corpo, seu rosto, suas medidas), Conheça algumas técnicas de moda básicas e principalmente use o que lhe faz bem , o que lhe deixa confortável e o que lhe faz feliz. Assuma o que estiver usando e não viva para agradar ninguém que não seja você mesmo.

OBS: O posto foi ilustrado com imagens do google imagens com base no meu gosto estritamente particular.







Postar um comentário